Origem do Fonógrafo
 

A cidade de Menlo Park está situada na Baía da São Francisco, no Estado da Califórnia, Estados Unidos.

Nesse lugar, em 1877, Thomas Edison desenvolveu sua primeira grande invenção, o fonógrafo de folha de estanho.

Enquanto trabalhava para melhorar a eficiência de um telégrafo, Edison observou que a fita da máquina, quando rodava em alta velocidade, emitia um ruído semelhante a palavras.

Ele indagou se conseguiria gravar uma mensagem de telefone.

Começou experimentando com o diafragma de um receptor de telefone com uma agulha anexada. Edson argumentava que a agulha poderia marcar a fita de papel e assim gravar uma mensagem.

Suas experiências levaram-no a utilizar uma caneta sobre um cilindro de alumínio e para sua grande surpresa, a curta mensagem que ele gravou foi reproduzida ... "Mary had a little lamb" (Mary tinha um carneirinho).

A palavra fonógrafo era o nome comercial para o dispositivo de Edison, que tocava cilindros, em vez de discos. A máquina tinha duas agulhas: uma para gravação e outra para reprodução. Quando falava dentro do bocal, as vibrações do som da sua voz marcava o cilindro através da agulha de gravação. Este cilindro de fonógrafo foi a primeira máquina que podia gravar e reproduzir som. Causou sensação e trouxe fama internacional a Edison.

Ref.: Thomas Edison

Artigo Eng. JC